Home Editora Livros Notícias Onomástica Distribuidores

Lançamentos

Antropologia
Ciências
Ciências sociais
Cinema e teatro
Comunicação
Dança
Direito
Educação
Filosofia
Geografia
História
Infantis e juvenis
Literatura

Música
Pedagogia
Política
Urbanismo

Editora Circuito

Todos
Lista de preços

 

 
Oficina de mestres: história, memória e silêncio sobre a Escola de Professores do Instituto de Educação do Rio de Janeiro (1932-39)

Sonia de Castro Lopes.
.
.
.
.

DP&A
ISBN 85-7490-396-5Cód. barras 9788574903965
Brochura14×21cm328p.420g2006..
Coed. FAPERJ
R$ 45.00

Desvela o esquecimento a que foi submetida a primeira experiência brasileira de formação de professores de ensino fundamental em nível universitário, nos anos 1930. A busca do passado encontra motivação nas memórias da autora como aluna do Instituto de Educação e em sua experiência de professora e pesquisadora do Curso Normal Superior do Instituto Superior de Educação do Rio de Janeiro (ISERJ). Hábil artesã, ela lança luz sobre a história institucional, sobretudo as divergências quanto à implementação da Escola de Professores da Universidade do Distrito Federal por parte de seus líderes mais importantes, Lourenço Filho e Anísio Teixeira. A pesquisa abrange vasta bibliografia, documentos e fotografias de arquivos, periódicos especializados e entrevistas.
 
  Sumário

Lista de Ilustrações

Prefácio

Introdução

Parte I A construção da memória

1. A obra-síntese da renovação educacional

2. Arquivos do Instituto de Educação: suportes de memória

Parte II Tempos difíceis

3. Limites do projeto renovador

Parte III O silêncio da memória

4. A longa noite da confusão

Epílogo: Um lugar de memória da renovação educacional

Referências