Home Editora Livros Notícias Onomástica Distribuidores

Lançamentos

Antropologia
Ciências
Ciências sociais
Cinema e teatro
Comunicação
Dança
Direito
Educação
Filosofia
Geografia
História
Infantis e juvenis
Literatura

Música
Pedagogia
Política
Urbanismo

Editora Circuito

Todos
Lista de preços

 

 
Educação inclusiva

Maria Elisa Caputo Ferreira.
Marly Guimarães
.
.
.
.

DP&A
ISBN 85-7490-247-0Cód. barras 9798574902479
Brochura14×21cm160p.260g2003..
R$ 30.00

A complexidade representada pela necessidade de encarar a “deficiência” frente a frente não integra o cotidiano da grande maioria das pessoas e não lhe é incorporada de forma espontânea. Não é encarada de maneira natural. Ela causa incômodo e mobiliza questões internas de cada um, gerando efeitos e desdobramentos difíceis de serem analisados, exigindo, portanto, um olhar cauteloso e meticuloso, por suscitar temas tão delicados. Não é mais aceitável deixar de pensar na participação real de todos, ou seja, a autêntica e corajosa inclusão daqueles que, erroneamente, figuram nas estatísticas como se já estivessem inseridos no contexto educacional, cultural, político, econômico e social. É preciso deixar de pensar a educação numa perspectiva simplista e reducionista, para compreendê-la sob uma ótica em que o acesso e a permanência na instituição escolar façam-se em condições viáveis e satisfatórias para a educação e formação de todo e qualquer aluno, constituindo um direito espontâneo e natural, uma responsabilidade social e política do Estado e de cada cidadão.
 
  Sumário

Prefácio

Introdução: Pensando uma educação inclusiva

Capítulo I: Artimanhas e armadilhas de alguns conceitos

Capítulo II: Igualdade × diferença; igualdade × desigualdade: queremos ser todos iguais ou queremos ser todos diferentes?

Capítulo III: O legado da história da deficiência

Capítulo IV: Discriminação como fardo social

Capítulo V: Inclusão de crianças com deficiência no ensino regular

Capítulo VI: Educação inclusiva: (con)vivendo com a mudança para novos paradigmas

Capítulo VII: (Re)pensando uma educação para todos na Era das Relações

Conclusão: A educação numa sociedade inclusiva

Referências bibliográficas